Início > Músicas, Vídeos > Música da Minha Banda

Música da Minha Banda

Olá pessoal, espero que estejam bem.

Todos nós já passamos por alguma espécie de despedida em nossa vida. Quem ainda não passou, inevitavelmente passará um dia. Não estou sendo pessimista, pois nada é mais inexorável que as despedidas. Afinal, “Todo fim já é um começo, e o começo já é um final”. Muitas vezes temos resistência às mudanças, mas elas fazem parte de nossa existência. Guarde o que for bom, e prossiga em sua jornada, sempre.

Abração!

Despedida

Nunca fui bom em saber quando é o fim

Início e meio são iguais pra mim

Boas lembranças é o que vou levar

E o que foi ruim vou deixar pra lá

Todo fim já é um começo, e o começo já é um final

É assim que a vida faz para se reinventar

Até logo, nos vemos por aí.

  1. 30/08/2011 às 20:20

    Por que “despedida”? Gostei da letra da música, possui significância profunda. ;)

    • 02/09/2011 às 01:56

      Litle Larissa,

      “Despedida” porque se formos parar para pensar, tudo em nossa vida parece seguir a fórmula: “Todo fim já é um começo, e o começo já é um final”. Nossa vida parece ser uma eterna despedida, ao mesmo tempo em que sugere sempre o surgimento de algo novo. Por exemplo, o “nascer” é um começo, e ao mesmo tempo um final, para quem acredita na preexistência da alma, por exemplo. Do mesmo modo, a morte é o final, mas para quem acredita no porvir ela é apenas o começo… Essa lei se aplica também à aspectos mais triviais de nosso dia a dia, como, por exemplo, o fim de um relacionamento, que é, ao mesmo tempo, o início de uma nova fase em nossa vida e, quiçá, de um novo relacionamento. Outro caso, todo dia iniciamos um novo dia, mas esse dia necessariamente se tornará noite, o que nos levará novamente a um novo dia e assim ciclicamente. Enfim, o mais importante é entender que, dado seu caráter de eterna “despedida”, a vida deve ser vivida intensamente e degustada a cada instante. Um exemplo final, até algum tempo atrás eu ainda não te conhecia, isso foi o começo. Espero que quando o momento do “final” chegar tenhamos aproveitado tudo o que poderíamos ter aproveitado, ainda que em diálogos aparentmente simples como são os nossos, mas que acabam nos influenciando por toda vida. Isso já será um novo começo entre nós…

      Abraços minha amiga!

  2. 31/08/2011 às 11:25

    Bela música meu amor……sempre criativo e profundo.

    • 02/09/2011 às 01:57

      Quem bom te ver por aqui Cris. Você sabe que é sempre um prazer ímpar compartilhar mimha subjetividade com você meu amor.

  3. 09/09/2011 às 20:17

    Nossa, muito boa a sua explicação meu caro amigo Duarte Henrique, dá até uma reflexão! A paz do Senhor ;)

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: